Problemas ortopédicos em crianças

Publicado em 28/09/2017

Por Dra. Ana Gabriela Cuoghi

Acompanhar o desenvolvimento físico das crianças é extremamente importante. A recomendação é levá-las ao ortopedista pediátrico a partir de um ano, um ano e meio de idade, quando começam a andar, porque é nessa fase que se pode verificar alguma anormalidade e, assim, tomar os cuidados necessários o quanto antes. Várias deformidades congênitas, alterações posturais e intrauterinas levam os pais a buscarem um especialista até mesmo antes desse idade.

Os problemas ortopédicos mais comuns nas crianças são os pés planos ou pé chatos, como são popularmente conhecidos, além de Geno Valgo (joelho para dentro) e Geno Varo (joelho para fora). O Geno Varo é uma deformidade muito comum que já nasce com a criança e dura normalmente até os 4 anos de idade.

O pé chato não chega a ser considerado uma deformidade já que toda criança nasce com o pé plano, mas sim uma alteração do coxim gorduroso do pé associado à frouxidão ligamentar que também nasce com a criança. Conforme há o desenvolvimento do membro, a curvatura do pé vai se formando e então o problema está resolvido, porém, quando há deformidade congênita, é preciso investigar outras patologias associadas.

A preocupação com o desenvolvimento dos membros inferiores deve começar quando a criança aprende a andar, ou seja, é nesse momento que se deve investigar diferenças entre o tamanho das pernas, dor ao deambular, limitação funcional e alterações ósseas congênitas. Também é bem recorrente a criança ter o hábito de andar na ponta dos pés até os 3 anos, e mesmo sendo comum deve ser investigado devido a deformidades que podem estar associadas.

Outra preocupação dos especialistas é em relação ao uso de celular e tablet, que faz com que as crianças passem muito tempo sentadas em posições viciosas (com flexão cervical associada à cifose torácica). Com isso, a postura fica totalmente cifótica associada à dor, porque muitas dessas crianças não fazem mais atividade física como antigamente. A partir disso, pode surgir a cifose funcional não rígida, que é uma deformidade na coluna vertebral, onde a coluna fica côncava por ação das forças musculares devido à má postura e aparece a partir de 4 ou 5 anos de idade.

Entre os 10 e 14 anos também pode aparecer de forma patológica a chamada cifose de Sheuermann, caracterizada por encurvamento em cunha de três corpos vertebrais consecutivos.

Na fase escolar, uma das principais causas de dor em crianças é o uso incorreto da mochila. Para evitar essas dores, a orientação é que ela esteja de quatro a cinco dedos acima da coluna lombar, usá-la com as duas alças bem presas nas costas e carregar até 10% do peso da criança.

A obesidade é outro fator que acarreta problemas ortopédicos, principalmente na região da coluna, quadril, joelho e tornozelo e por isso é necessário ficar atento. A recomendação é que as crianças tenham bons hábitos alimentares e pratiquem esportes.

Dra. Ana Gabriela Cuoghi é médica especialista em Ortopedia Pediátrica da Clínica de Ortopedia do Instituto Wilson Mello.

Ver mais posts

08/02/2018 Tratamento da dor nas costas pelo sistema de subgrupos

01/02/2018 O tratamento da artrose

26/01/2018 A importância da Avaliação Funcional na osteoartrose de joelho

19/01/2018 A fisioterapia para o tratamento da cifose e lordose

17/01/2018 Triatleta Bruna Mahn é 4ª colocada no Ironman 70.3 Pucón

12/01/2018 Dor no ombro: 20% das queixas nos ortopedistas

05/01/2018 Cifose e lordose: entenda as diferenças

23/11/2017 Estrela da marcha, Caio Bonfim participa de evento no IWMello

22/11/2017 Caio Bonfim faz avaliação funcional no Instituto Wilson Mello

14/11/2017 Mudança de hábitos para combater o diabetes

30/10/2017 Artroplastia Total do Joelho é indicada para artrose avançada

06/10/2017 IWMello faz parceria com Universidade de Harvard para curso de pesquisa clínica  

28/09/2017 Problemas ortopédicos em crianças

15/09/2017 Hérnia de disco: uma das principais causas de afastamento do trabalho

30/08/2017 Dor anterior do joelho, condromalácia ou condropatia patelar

23/08/2017 Mindfulness: a prática do momento

21/08/2017 Curso do IWMello simula cirurgia de prótese de ombro

15/08/2017 RunFit é o programa de reeducação da corrida do IWMello

29/06/2017 Lesões do ombro no tenista

14/06/2017 Fraturas no idoso

14/06/2017 Curso de Certificação é sucesso mais uma vez

07/06/2017 IWMello lança programa de educação continuada para ortopedistas

01/06/2017 Pé Metatarso Varo Congênito

24/05/2017 Fisioterapia do IWMello no Ironman em Floripa

22/05/2017 Curso Lesões da Corrida é sucesso entre os participantes

18/05/2017 Pesquisadora de Harvard ministra Curso do IWMello sobre Lesões da Corrida

16/05/2017 Pilates para diferentes idades e perfis de alunos

10/05/2017 Lesões do quadril são mais comuns do que se imagina e atingem atletas e pessoas sedentárias

24/03/2017 Precisamos reavaliar a qualidade de nossos alimentos

22/03/2017 Mesmo sem sede, devemos beber água para o bem de nossa saúde

14/03/2017 As três principais lesões do corredor de rua

10/03/2017 Recovery muscular: mais uma novidade do IWMello

03/03/2017 Dores de cabeça, na face e dificuldades para mastigar podem ser sinais de DTM

02/03/2017 Nova parceria para atletas

17/02/2017 Pequenos cuidados para readaptação ao fim do horário de verão

13/01/2017 Pesquisadora de Harvard, Dra. Irene Davis fala sobre curso Lesões do Corredor no IWMello

02/01/2017 Alimentação pós festas

09/12/2016 Alimentos funcionais ajudam a melhorar nossa saúde - Parte 2

05/12/2016 Alimentos funcionais ajudam a melhorar nossa saúde - Parte 1

11/11/2016 Lesão do Ligamento Cruzado Anterior: principal problema no joelho

04/11/2016 Ombro congelado

06/10/2016 Cigarro e falta de exercícios aceleram doenças da coluna

05/09/2016 Existe dor do crescimento?

12/08/2016 Alimentação x Suplementação

29/07/2016 A importância da proteína na alimentação

14/07/2016 Menopausa: dá para passar por ela de forma mais suave

24/05/2016 Sabe aquela dormência nas mãos? Pode ser síndrome do túnel do carpo